Nova série da Globo contará a história da Assembleia de Deus no Brasil


A nova microssérie da Globo, vai contar a historia do nascimento da maior igreja evangélica do pais, a Assembleia de Deus.

Com estreia prevista para a ultima semana de Julho de 2013. 

A produção é baseada  na "saga" dos missionários; Daniel Berg e Gunnar Vingren, e vai narrar a rota traçada pelos missionários até sua chegada ao brasil em 1910, e a criação da Assembleia de Deus.

Ainda não foram divulgados os nomes dos atores, porém, quem escreve os textos é Nelson Motta, que recentemente também escreveu a Microssérie O Canto da sereia.

A cada dia está mais clara a intenção da Globo, de atrair a audiência dos evangélicos.

Fonte: O Fuxico Gospel

P.S: Resta saber se a concepção dessa nova minissérie terá a supervisão de alguém ligado à igreja para evitar que, mesmo de forma indireta, eles consigam denegrir a imagem dos evangélicos como costuma acontecer com personagens evangélicos na emissora.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

13 comentários

Clique aqui para comentários
Anônimo
25/4/13 7:40 PM ×

Gente é o Fim do mundo mesmo!!! ah nao, deixa a nossa igreja quietinha no canto dela , por favor .. alguem perguntou se nós estamos de acordo???
claro que eles vao denegrir os cristaos de alguma forma.. se nao tiver mulher bonita e nua nao da audiencia!! acho que os pastores deveriam se unir e nao permitir. nós sabemos da nossa historia, nao precisa ser contada nesse emissora que é um lixo.

Balas
avatar
admin
Anônimo
25/4/13 7:46 PM ×

Plin-Plin... De olho no publico evangélico!
#MuitaCalmaNessHora

Balas
avatar
admin
25/4/13 7:53 PM ×

Todo joelho vai se dobrar perante ao Deus todo poderoso.Gostei do blog parabéns :)
Ana Clara

Balas
avatar
admin
Anônimo
26/4/13 6:19 AM ×

Tenho certeza que esa miniserie não vai ser legal para os evangelicos!ja que e feito pela emissora que sempre denigriu a imagem do povo evangelico! é uma emissora mergulhada totalmente no pecado,nada que vier dela e bom para o povo de deus!

Balas
avatar
admin
Anônimo
26/4/13 1:16 PM ×

eu acredito q a rede globo está com a intenção de ter mais audiência, através dos evangélicos, q antigamente não assistiam televisão, mas hoje assistem. E assim, a rede globo irá "debochar" dos cristãos q antigamente não aceitavam televisão em suas casas, mas hoje muitos deles cairam nessa armadilha.
É melhor orar e se prepara para o arrebatamento da igreja, pois os sinais já estão cumpridos.
JESUS ESTÁ VOLTANDO !
P.Morais

Balas
avatar
admin
Anônimo
26/4/13 1:19 PM ×

CONCORDO!!!!!! NAO QUEREMOS MICROSSERIE.

Balas
avatar
admin
Anônimo
26/4/13 1:21 PM ×

é triste saber q haverá crentes q irá aplaudir a rede globo por essa nova série.
acredito q a intenção deles é envergonhar o evangelho de Jesus, e não resgatar vidas e trase-las para Cristo.
#lamentável..

Balas
avatar
admin
Anônimo
26/4/13 1:54 PM ×

É JESUS VOLTANDO!

Balas
avatar
admin
Anônimo
27/4/13 3:54 PM ×

Globo
Orgulho pra essa geração

Balas
avatar
admin
Anônimo
29/4/13 7:35 AM ×

Globo
Desprezo Pra esta Geração

Balas
avatar
admin
29/4/13 2:57 PM ×

Paulo diz o seguinte em Filipenses 1:15-18:

“Alguns, efetivamente, proclamam a Cristo por inveja e porfia; outros, porém, o fazem de boa vontade; estes, por amor, sabendo que estou incumbido da defesa do evangelho; aqueles, contudo, pregam a Cristo, por discórdia, insinceramente, julgando suscitar tribulação às minhas cadeias. Todavia, que importa? Uma vez que Cristo, de qualquer modo, está sendo pregado, quer por pretexto, quer por verdade, também com isto me regozijo, sim, sempre me regozijarei” (Fp 1:15-18).

Filipenses 1:18 é um daqueles clássicos textos que muitos usam para justificar ou não acusar erros graves no movimento gospel moderno. Mas será que esse texto dá margem para isso?

Em que circunstâncias Paulo disse estas palavras? Se não me engano, Paulo estava preso em Roma quando escreveu esta carta aos filipenses. Ele estava sendo acusado pelos judeus de ser um rebelde, um pervertedor da ordem pública, que proclamava outro imperador além de César.

Quando os judeus que acusavam Paulo eram convocados diante das autoridades romanas para explicar estas acusações que traziam contra ele, eles diziam alguma coisa parecida com isto: “Senhor juiz, este homem Paulo vem espalhando por todo lugar que este Jesus de Nazaré é o Filho de Deus, que nasceu de uma virgem, que morreu pelos nossos pecados e ressuscitou ao terceiro dia, e que está assentado a direita de Deus, tendo se tornado Senhor de tudo e de todos. Diz também que este Senhor perdoa e salva todos aqueles que creem nele, sem as obras da lei. Senhor juiz, isto é um ataque direto ao imperador, pois somente César é Senhor. Este homem é digno de morte!”
Ao fazer estas acusações, os judeus, nas próprias palavras de Paulo, “proclamavam a Cristo por inveja e porfia… por discórdia, insinceramente, julgando suscitar tribulação às minhas cadeias” (verso 17).
Ou seja, Paulo está se regozijando porque os seus acusadores, ao final, no propósito de matá-lo, terminavam anunciando o Evangelho de Cristo aos magistrados e autoridades romanos.
Disto aqui vai uma looooonga distância em tentar usar esta passagem para justificar que cristãos, num país onde são livres para pregar, usem de meios mundanos, escusos, de alianças com ímpios e de estratégias no mínimo polêmicas para anunciar a Cristo. Tenho certeza que Paulo jamais se regozijaria com “cristãos” anunciando o Evangelho por motivos escusos, em busca de poder, popularidade e dinheiro.

Pois ele mesmo disse “Se alguém ensina outra doutrina e não concorda com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo e com o ensino segundo a piedade, é enfatuado, nada entende, mas tem mania por questões e contendas de palavras, de que nascem inveja, provocação, difamações, suspeitas malignas, altercações sem fim, por homens cuja mente é pervertida e privados da verdade, supondo que a piedade é fonte de lucro” (1Ti 6:3-5).

“Eu, irmãos, quando fui ter convosco, anunciando-vos o testemunho de Deus, não o fiz com ostentação de linguagem ou de sabedoria. Porque decidi nada saber entre vós, senão a Jesus Cristo e este crucificado. E foi em fraqueza, temor e grande tremor que eu estive entre vós. A minha palavra e a minha pregação não consistiram em linguagem persuasiva de sabedoria, mas em demonstração do Espírito e de poder, para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria humana, e sim no poder de Deus” (1Co 2:1-5).

Balas
avatar
admin
Anônimo
17/5/13 12:27 PM ×

Bem todasas vezes que a globo tenta(agradar) só estraga, a imagem do servo de Deus para eles e sempre satirizada ou defamada vamos ver o que vai acontecer dessa vez.

Balas
avatar
admin
Anônimo
21/8/13 6:05 AM ×

Nossa,como pode isso?

Balas
avatar
admin

O Olhar Pentecostal sempre traz as melhores novidades do meio pentecostal e também sempre abre espaço para que o público possa opinar.
Mesmo aceitando todo tipo de pensamento livre, iremos manter a moderação de publicação prezando sempre pelo respeito e organização. Desde já agradeço a todos! Mostrar Conversão Esconder Conversão Mostrar Emoticon Esconder Emoticons

Obrigado pelo seu comentário